X-TERRA em Ouro Preto e corrida na Lagoa

X-TERRA em Ouro Preto e corrida na Lagoa

Entre os dias 3 e 4 de outubro a Equipe Carlos Eugênio teve participação no X-TERRA ESTRADA REAL, que foi realizado na cidade de Ouro Preto, Minas Gerais. Com uma boa série de vitórias, a última no X-TERRA BRASIL, Soledad Omar conquistou o lugar mais alto do pódio com uma bela participação. O percurso com trechos íngremes e longos estradões, foi perfeito para Soledad que fechou a competição com o tempo de 2h53min. No Duathlon, com distancias de 3km de corrida, 26km de MTB e mais 9km de corrida, outros destaques ficaram por conta de Alexandre Verget 2° na categoria 25/29 e Rafael Chieza 2° categoria 30/34 anos. Alexandre obteve um ótimo resultado e tem como próximo desfio o X-TERRA HAVAÍ, no dia 20 de outubro. No Rio de Janeiro a participação foi na já tradicional corrida da Lagoa Rodrigo de Freitas. O belo percurso de 7.5km foi percorrido no tempo de 34min58s por Ismar da Veiga. O corredor de 60 anos conseguiu uma melhora significativa de 4min em relação ao seu tempo anterior e alcançou a excelente média de 4.30min por quilometro. RESULTADOS: • X-TERRA – OURO PRETO (MG) 1ª geral – SOLEDAD OMAR – 2h53min ALEXANDRE VERGET – 2º 25/29 anos RAFAEL CHIEZA – 2° 30/34 anos • CORRIDA – LAGOA RODRIGO DE FREITAS 7.5km ISMAR DA VEIGA – 2°colocado –...

Leia Mais

Soledad vence o XTERRA Global Tour

Soledad vence o XTERRA Global Tour

Sol, lama e muitas dificuldades marcaram a etapa brasileira do Xterra Global Tour, realizada no ultimo final de semana, 29 e 30 de agosto, no Hotel Portobello, em Angra dos Reis/RJ. A Equipe Carlos Eugenio, marcou presença e dessa vez em grandíssimo estilo. Soledad Omar, depois da vitória no Long Distance do Rio de Janeiro, venceu mais essa disputa. “Foram duas provas difíceis e decididas nos últimos quilômetros, me senti bem e parti em busca da vitória”, disse Sole. Durante a etapa da corrida, nos últimos 3km a triatleta ainda estava em 4° lugar, mas correr na trilha é sua especialidade. “Passei bastante gente na trilha e no fim consegui ultrapassar as principais concorrentes”, completou. Depois de percorrer 1,5km de natação, 30km de Moutain Bike e 9km de corrida, Soledad finalizou a prova com o tempo de 3h04min. A vitória não foi somente de Soledad. Marcos Quintanilha participou da etapa de revezamento e sua equipe ficou com a vitória. Além disso, Quintanilha disputou o Trail Run, uma prova paralela ao X-Terra e que ocorre a noite. Nesta, “Quinta” ficou com a segunda colocação. As notícias boas não pararam por aí. A tão sonhada vaga para o X-Terra Havaí foi conquistada por Alexandre Vergete. O triatleta conseguiu um ótimo tempo e a terceira colocação na categoria 25/29 anos – um excelente resultado em uma categoria muito disputada. No revezamento tivemos outra representante na etapa de natação. A nadadora Regiane Abreu conseguiu a primeira colocação na categoria 35/39 anos. Regiane competiu também no Trail Run e com o tempo de 59min12s ficou na 19ª colocação em sua categoria (35/39). Mais de 2000 pessoas participaram desse edição do X-Terra Brasil. RESULTADOS: X-Terra Brasil : . TRIATHLON – . Maria Soledad – Campea geral 3h04´59″ . Alexandre Vergete – 3º cat. 25/29 – 2h58´53″ X-Terra Brasil : .Swim: .Regiane Abreu – 1ª cat. 35/39 – 26´52″ X-Terra Brasil : .Run: .Marcos Quintanilha – Vice-Campeão – 33´03″ .Regiane Abreu – 19ªcat. 35/39 –...

Leia Mais

Yes, he can!!!

Yes, he can!!!

Você acha humanamente possível que uma pessoa, após trabalhar de madrugada, pedale cerca de 3 horas sem dormir? Yes, he can!!! Essa é a dura rotina do triatleta Fabio Cavaliere, 35, músico desde os 20 anos e integrante da Equipe Carlos Eugênio há 8 meses. Nadador desde pequeno, Fabio, que gosta de desafios, queria mais do que 3 mil metros feitos diariamente na piscina do Regatas. Comprou uma mountain bike para passear com os amigos e manter uma boa forma. Com o roubo da sua mountain bike, Fabio comprou sua primeira bike speed e iniciou uma busca por dicas e treinos pela internet. Não satisfeito, ele começou a correr, além de nadar e pedalar por conta própria. Foi quando começou a pensar em treinar triathlon e, depois de 2 anos, decidiu procurar o Carlos Eugênio. Integrado à dura rotina de treinos, Fabio viu sua performance melhorar e seus tempos diminuírem sensivelmente. E a carreira de músico? Como conciliar com a rotina de treinos? Fabio, que toca Baixo e dá aulas de música em Búzios, é um guerreiro!!! Ele treina natação durante o almoço, corre à noite e pedala de tarde e às vezes, até de madrugada. E acreditem, Fabio tem energia suficiente para fazer show de madrugada e ainda pedalar durante 3 horas na manhã seguinte, sem dormir. Todo esse sacrifício é compensado com uma disposição e qualidade de vida maiores. YES,YOU...

Leia Mais

Equipe CE+3 no Circuito Long Distance

Equipe CE+3 no Circuito Long Distance

No  domingo, dia 23/08, no Parque do Flamengo, Rio de Janeiro, a Equipe Carlos Eugênio mostrou porque é tida como a melhor equipe do estado. O Circuito Long Distance e o Short Triathlon aconteceram com total domínio dos “discípulos” de Carlos Eugenio Ferraro. No Long, com 1,9 km de natação, 90 km de ciclismo e 21 km de corrida, o casal da Equipe, Ezequiel Morales e Soledad Omar, garantiram a vitória. Vencedor da etapa carioca nos últimos dois anos, Ezek mostrou que segue forte no Long Distance. Com a competência de sempre, ele garantiu a segunda vitoria do ano e com boa margem para o segundo colocado. Com o resultado no Rio de Janeiro, Morales divide a liderança da competição, agora com 270 pontos. No feminino, a briga foi acirrada, mas o dia era de Soledad. Ela conseguiu vencer o duelo apertado contra a segunda colocada. E ainda, de quebra, assumiu a liderança da competição. Como se não bastasse essas ótimas notícias, mais ainda estava por vir. No circuito Short a Equipe fez barba, cabelo e bigode. Conseguiu pódio em todas as categorias e de quebra conseguiu a primeira, segunda e terceira colocação no geral com: Pedrinho, Mauricio Cachinho e Lucas Jama. E óbvio todos receberam elogios do treinador. “O amadurecimento é notório de toda a Equipe, desde os mais novos até os mais experientes. O nosso convívio também fortalece, e muito, a conquista de bons resultados”, disse o treinador. Nas categorias, tanto no long, quanto no short, os resultados comprovaram a conclusão de Neném. Bernardo Correa foi o primeiro em sua categoria 18/18 anos e fez um grande trabalho durante a prova com os companheiros de Equipe. Djalma Alvez é só melhoras e conseguiu seu primeiro pódio em provas de Triathlon, foi o segundo colocado na categoria 40/44anos. Sidney Gomes, sempre absoluto, compete com adversários com metade de sua idade. Mais uma vez foi o primeiro colocado na categoria 65/69. No Short Feminino Leila Liana e Suely Baronto foram as representantes. Suely, recuperando-se de uma virose, conseguiu a segunda colocação geral da prova, já Leila conseguiu sair bem da água e isso ajudou a recuperar posições e vencer a categoria 30/34anos. No long distance a participação e a superação foi o lema dos participantes. Destaque para Vitor Gonçalves que, com o tempo de 4h41min foi o quarto colocado na disputada categoria de 30/34 anos. Fernando Araujo veio logo em seguida com o tempo de 5h16min e uma prova super controlada. Henrique Rodrigues fez o tempo de 5h52min e com um ritmo um pouco mais forte no ciclismo, teve suas conseqüências na corrida. Joaquim Faria com 5h54min, mesmo com um tempo sem participar de competições conseguiu uma performance satisfatória. Regiane Monteiro competiu no revezamento, e em sua especialidade, a natação, foi a terceira mulher a sair da água com o tempo de 34min25s. Infelizmente Rodrigo Otavio, sentiu uma indisposição...

Leia Mais

Triathlon TRIMAX: Pódios e bons resultados

Triathlon TRIMAX: Pódios e bons resultados

Fortes emoções para a Equipe Carlos Eugenio no domingo dia 7 de junho. O Triathlon Trimax reuniu 16 atletas da Equipe e com grande número de pódios o que animou o treinador. “Conseguimos com que um grande número de triatletas participasse. Além de todo o clima competitivo, o convívio social entre nós é muito saudável”, afirmou Neném. Dividido nas distancias Short (Válido pelo estadual) e Olímpico, a competição foi realizada no já conhecido circuito do Aterro do Flamengo. No Olímpico a Equipe fechou o pódio na categoria feminina com a 2ª e 3ª colocação, respectivamente de Suely Baronto e Julia Campos. Essa disputa foi um capítulo a parte, já que as duas fizeram uma bonita prova. Somente no km 5 da corrida que Suely conseguiu aumentar o ritmo e abrir uma distancia confortável de Julia. No masculino destaque para o terceiro colocado na Elite. Maurício Soares fez uma excelente prova que era a segunda seletiva para o mundial de Forças Armadas em setembro na Europa. No momento “Cachinho” como é carinhosamente chamado pelos companheiros, é o primeiro reserva. Nas categorias Fernando Costa (55/59) foi o primeiro colocado. Mesmo há cerca de 2 anos um pouco afastado das competições, Fernando voltou em grande estilo. No Short, que também foi válido pela segunda Etapa do Estadual de Triathlon. destaque para um ponto específico da prova. “Fiquei contente com o resultado da saída da água com Bernardo, Jama e Pedrinho. De certa forma nos deixou surpresos, mas é o amadurecimento do trabalho com eles”, comentou Neném. Esse fato permitiu que os três estivessem no primeiro pelotão durante o ciclismo. Mas o que melhor se aproveitou da situação foi Pedrinho que ao final foi o terceiro colocado na geral, Jama foi o primeiro na categoria (20/24) e sentiu um pouco o ritmo do pedal e Bernardo, em sua estréia, também sentiu o ritmo, mas chegou em primeiro (17/19). Vitor Gonçalves fez uma ótima corrida de recuperação e foi o oitavo colocado (30/34), Fabio Cavaliere, conseguiu encaixar um bom ritmo durante a prova e foi o sétimo colocado. Gustavo Henrique permanece em constante evolução, fez uma boa prova e faturou a terceira colocação (40/44). Renan, mesmo um tempo longe das competições, conseguiu andar forte e subir no pódio mais uma vez com a terceira colocação (50/54). Joaquim Faria se recuperando de uma lesão no joelho, surpreendeu com a segunda colocação (45/49). Djalma alvez fez uma corrida progressiva, e finalizou com uma excelente corrida e a 11ª colocação (40/44). Com um tempo forte Sidney continua imbatível em sua categoria (65/69) e subindo no lugar mais alto do pódio. Fabio Cruz fez uma boa prova, mesmo sem treinar com o volume adequado, conseguiu terminar bem a prova na categoria 40/44. A única representante feminina na prova foi Leila Liana, que com uma melhora considerável na etapa de natacao, ajudando muito sua performance geral da prova. No...

Leia Mais